5 motivos para odiar o Carnaval: Carnaval de Bundas

Pule o Carnaval com o Odeio e Justifico!

O Carnaval é a festa mais popular do Brasil. Somos um povo alegre, que gosta de baderna. Está em nosso semblante. É o que nos identifica mundo afora. Se você entrar num aeroporto com 500g de cocaína, você é um traficante e será preso, não antes de sofrer traumatismos tão sutis quanto uma escavadeira agredindo seu abdômen. Mas se caso você conseguir colocar uma morena de quadris largos em trajes sumários, você é brasileiro e será convidado a mostrar a ginga e o suíngue da terra do Carnaval.Gosto de ver as Escolas de Samba pela televisão. O incentivo, digamos, seja 90% pelos sambas-enredo e 10% pelas gostosas.

Ok, 20%.


Precisa MESMO de legenda?

Alimentar o Carnaval de Bundas é alimentar a imagem de que vivemos todos na Amazônia, dividimos nossas casas macacos, cobras e índias seminuas, enquanto onças e leopardos invadem nossos quintais.

Aliás, se você não tem medo de telejornais e certamente acredita que eles não são manipulados pelos patrocinadores para fazer você sentir medo e investir em segurança, provavelmente ouviu falar do carro da Viradouro que foi proibido de desfilar por causa do tema, o Holocausto.

Justiça proíbe Viradouro de levar carro do Holocausto à Sapucaí

RIO DE JANEIRO (Reuters) – A Justiça do Rio de Janeiro proibiu nesta quinta-feira a escola de samba Viradouro de levar para a avenida no domingo o carro alegórico do Holocausto, representado por vários cadáveres nus empilhados e que teria uma pessoa vestida de Hitler sobre os corpos. A juíza Juliana Kalichszteim, plantonista da Justiça estadual, concedeu liminar em favor da Federação Israelita do Rio de Janeiro (Fierj) determinando multa de 200 mil reais caso a escola leve à Marquês de Sapucaí a parte do carro que retrata o extermínio. O carro é formado apenas por esculturas de cadáveres, cercados por centenas de pares de sapatos perdidos.

O carnavalesco justificou, dizendo que “estava alertando sobre os perigos do Nazismo”. De fato, muitas pessoas hoje em dia deixam de sair de casa com medo, já que podem ser surpreendidas por um exército de nazistas arianos.

Parafraseando o nossso amigo Kid, quer dizer que se eu quisesse “alertar” sobre a violência, eu posso fazer um boneco de papel machê daquele moleque [João Hélio] que morreu arrastado pelo carro roubado e dançar ao redor dele cantando? E fazer isso fantasiado como o sujeito que matou o moleque?

Mas comparando o Carnaval de Bundas com os outros temas do Carnaval, há pouco a ser dito. Dos Carnavais, este é o mais bonito, mais tradicional – e talvez o mais saudável.

Serão 5 posts, um para cada dia do Carnaval. Começando por este, óbvio. Mas quem presta atenção no blog sabe que eu tenho um sério problema com sequências e continuações de posts. Acho que dessa vez não vai ser diferente.

Anúncios

Autor: Raphs

Três palavras definem bem o autor: velho mau humorado. Fisicamente, três anos a menos. Mentalmente, sessenta anos a mais.

12 comentários em “5 motivos para odiar o Carnaval: Carnaval de Bundas”

  1. O carnavalesco justificou, dizendo que “estava alertando sobre os perigos do Nazismo”. De fato, muitas pessoas hoje em dia deixam de sair de casa com medo, já que podem ser surpreendidas por um exército de nazistas arianos.

    IAUAHUIAHUAUAUIAHEIA

    e, ó, eu diria 70% pras bundas.

    Curtir

  2. “Alimentar o Carnaval de Bundas é alimentar a imagem de que vivemos todos na Amazônia, dividimos nossas casas macacos, cobras e índias seminuas, enquanto onças e leopardos invadem nossos quintais.”

    QUEM é que liga pra imagem que o Brasil passa exteriormente?
    Devemos nos preocupar com os problemas aqui dentro, já que temos muitos deles. Talvez melhorando a imagem aqui dentro, podemos ser melhores pra “eles” lá fora.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s