Resenha: Resident Evil 4

Uma característica interessante das resenhas do seu Odeio e Justifico é que ela corta todos aqueles blas blas blas técnicos que geralmente colocam. Ninguém precisa saber que o personagem principal contém nada menos que cinco milhões de pixels, e que o jogo conta com a nova tecnologia Pawno Sorabull. Tudo o que você precisa saber é como o jogo se desenvolve, o que ele tem de impressionante e, principalmente, o que ele tem de ruim.

Outro fator positivo das nossas resenhas é que elas praticamente nunca são de lançamentos ou games do momento, prova disso é que a resenha que inaugurou esta série foi de nada mais nada menos que TETRIS.

Esqueça tudo que você conhece sobre controle do esfíncter. Por mais corajoso que você proclame ser, suas cuecas jamais sairão limpas depois de uma sessão prolongada de Resident Evil 4.

Resident Evil é uma das sagas mais famosas do mundo dos videogames. Desde o lançamento, trilhões de pessoas ou já experimentaram ou protestaram contra o game. A violência extrema, o clima pesado e a grande trama por trás de tudo coloca Resident Evil no mesmo patamar de Mario, Zelda, Metal Gear Solid e, sei lá, Spyro the Dragon entre os jogos com maior número de fãs em todo o mundo.

Lançado originalmente em 1995 para os consoles da geração 32bits, Resident Evil foi o estopim necessário pra que aquela geração enfim empolgasse. Tanto o Playstation como o Saturn, consoles que receberam o primeiro título, tiveram um aumento considerável em suas vendas depois que a criançada começou a achar que estourar os miolos de zumbis era divertido.

Muita história e spin-offs depois, a Capcom resolveu inovar no quarto (ou quinto) episódio do game. A jogabilidade mudou completamente. Nos primeiros jogos, a câmera era fixa e você controlava seu personagem de uma forma bastante confusa, que exigia um pouco de experiência do jogador para se acostumar. Aquela câmera já deixou muito neguinho nervoso, quando por exemplo focava uma lareira onde o jogador tinha que encaixar uma jóia para destravar uma porta que leva a um quebra-cabeça, enquanto uma horda de zumbis raivosos tomava a sala. O jogo recebia a classificação como “Adventure”, já que situações como essa correspondiam a praticamente 80% do tempo de jogo.

O que esses caras tinham na cabeça? Colocar uma chave dentro de um baú que só abre se você empurrar a estátua até perto do relógio, que vai abrir e deixar cair uma engrenagem que tu encaixa na lareira, pra cair metade da peça que tu tem que juntar com a primeira, que tu conseguiu depois que tu fugiu do chefão final na porta da delegacia? Gerente, me traz o engenheiro que planejou essa merda que eu tenho que falar umas boas verdades pra ele.

Vou aproveitar e dizer que não sei usar as vírgulas.

Em Resident Evil 4, tudo mudou. Agora você tem uma câmera em terceira pessoa, colocada logo acima do ombro do personagem. O modo de mira, que antigamente era quase como um tiro teleguiado, agora funciona praticamente como um FPS: apertando o R1, uma mira laser aparece e você a controla. Isso tanto ajuda quanto atrapalha, mas falaremos disso adiante. Além disso, o jogo deixou de ser um Adventure e assumiu as vertentes dos jogos de Ação/Tiro. Você passa muito menos tempo procurando as pedras e engrenagens do que nos jogos anteriores, mas ainda existem os famosos puzzles.

Aliás, se a Capcom fizer um jogo de FUTEBOL, para cobrar um escanteio tu vai ser obrigado a encaixar as quatro pedras azuis encontradas nas laterais do campo numa sequência exata pra que a bola alcance seu jogador. Se errar, você perde 30% do seu stamina.

Mas a GRANDE mudança desta nova versão é que não há zumbis.

COMO ASSIM NÃO TEM ZUMBIS. RESIDENT EVIL É SINONIMO DE ZUMBI.

A história, bastante resumida, é que o T-Virus resolveu tirar umas férias dos Estados Unidos, sabe-se lá como raptou a filha do presidente e levou consigo para a Espanha. Lá, encontrou uma seita de espanhol maluco que fala estranho e deu na merda que deu.

O grande responsável por desfazer esta grande algazarra (primeira aparição desta palavra no blog) é Leon S. Kennedy, aquele viadinho que protagonizou Resident Evil 2. Agora menos homossexual e mais badmanner, Leon tem a FODIDA missão de descobrir o que se passa por trás dessa seita, destruir o T-Virus e, claro, resgatar a ÂNCORA da filha do presidente.

No lugar dos zumbis, fomos agraciados com GAÑADOS, os zumbis espanhóis, que gostam de comer paella e assistir a touradas. A diferença é que, ao invés dos sempre divertidos zumbis, os gañados são FORTES e INTELIGENTES. Só de saber que eles são capazes de USAR ESCADAS e ABRIR PORTAS já te dá um sabor da festa? Não? Então fique sabendo que, ao invés de arrancar pedaços de carne, os gañados correm atrás de vocês com armas sutis como foices, garfos de feno, DINAMITES E SERRAS ELÉTRICAS.

Gameplay

Uma palavra que resume Resident Evil 4 é CAGAÇO. Se você não sabe uma definição exata para tal palavra, imagine-se dançando rumba sobre um cabo de aço de meia polegada esticado entre dois balões pilotados por japoneses suicidas a uns 4 mil metros de altura. Se você pisar errado, cairá num lago lotado de jacarés famintos comedores de tripas.

Logo no começo, você é apresentado aos gañados. Depois de umas garrafas de cerveja, umas rodadas de truco e alguns palpites sobre a escalação da seleção, você descobre que eles não são tão amigáveis quanto nossos amigos zumbis.

Eles não apenas são mais inteligentes, são mais durões também. Nos tempos áureos de Resident Evil 2, um tiro na cabeça era o suficiente pra acabar com qualquer zumbi, que caía imediatamente no chão e seu corpo ficaria ali até o fim dos tempos. Aqui, dois ou três tiros na cabeça NÃO são suficientes pra matar um gañado. Mesmo você tendo a opção de mirar exatamente no meio dos cornos do infeliz, um tiro certeiro o deixa apenas tonto, permitindo que você se aproxime e encha o paspalho de bicuda. Sim, comemore. Você agora pode chutar zumbis. Não só chutar.

Um macete bem sacana que o amigo Kel me obrigou a citar é o de atirar nos joelhos dos Gañados, deixando-os sem equilíbrio. Depois de deixar o coitado literalmente mal das pernas, é só se aproximar e apertar o X que Leon executa um Suplex, que tem uma grande chance de dar cabo do maldito em um só golpe. Eu particularmente prefiro atirar nos pés e sair correndo quando a situação exige um pouco de destreza. Não há nada de errado em poupar vidas de gañados inocentes.

O chute, no entanto, apenas o derruba. Você então teria tempo de 1- descarregar sua arma; 2- correr como uma mocinha; 3- usar a faca e retalhar o imbecil. Ok, você tem uma habilidade capaz de deixar um zumbi inerte e indefeso por alguns segundos, mas o que acontece se você tem VÁRIOS zumbis ao mesmo tempo? Vai sair dando tiro e bicuda em todo mundo e até ficar cercado e ter o cérebro devorado?

Pra melhorar sua situação, a munição do jogo é tão escassa quanto água potável no interior de Pernambuco. Portanto, cada tiro que você der durante o jogo é um peso na consciência a mais para carregar pro resto do jogo. Sabe-se lá porquê, mas a maioria dos gañados deixam cair munição quando morrem. Eles podem te atacar com foices e machados, mas CARREGAM CONSIGO MUNIÇÃO DE PISTOLA?

É divertido sair atirando como um louco, mas as balas que você desperdiça agora podem faltar quando você está cara a cara com um maluco muito mais forte que o normal.

Agora vamos parar para tomar uma água, usar uma Green Herb e raciocinar. Você está lá, no meio de uma vila enfestada de zumbi quando encontra uma porta aberta. Ao adentrar a casa, uma cutscene te informa de que UM GAÑADO BOLADÃO ESTÁ VINDO ATRÁS DE VOCÊ COM UMA SERRA ELÉTRICA.

Você é obrigado a morrer umas duas vezes antes de descobrir que pode ganhar tempo empurrando o móvel até a porta, morre mais três ou quatro vezes até descobrir que deve subir a escada da casa, e morre mais duas até encontra a prova definitiva de que Deus existe: uma shotgun emoldurada no segundo andar. Para sua surpresa, a shotgun vem carregada com três tiros. Quem guarda uma shotgun carregada? Pessoas prevenidas.

Além do maluco da moto serra, a casa ainda é invadida por algumas dezenas de zumbis por todos os cantos. Mas relaxa, tudo vai dar certo.

Os gañados podem usar MOTO SERRAS, mas você tem uma PORRA de uma FACA.

Como se não fosse o suficiente, a faca de Resident Evil 4 é uma das armas mais medíocres da história dos videogames. Tudo bem, para os experientes ela até consegue ser útil. Pros que não sabem jogar, serve apenas pra quebrar barris. Ao segurar o L1, seu personagem entra numa espécie de MODO FACA, onde ele é capaz apenas de balançar a faca de um lado para o outro, num raio de 30 centímetros além do seu corpo.

Ou seja, pra surtir algum efeito, você deve estar TRANSANDO com um gañado pra poder atingí-lo com uma facada certeira. Como se uma facada fosse o suficiente, os caras ainda fazem um Leon retardado, que só consegue realizar dois tipos de movimentos com uma arma de tamanha destreza. Ao invés de poder fazer investidas, cortar pescoços ou movimentos mais bruscos com o objeto cortante, Leon é capaz apenas de balançar a faca vinte centímetros de seu rosto desesperadamente. Seria mais efetivo se ele, quando assediado por uma legião de gañados malvados tirasse sua adaga do bolso e gritasse


– OLHA A FACA!!

Faça o teste: vá até a gaveta de talheres na sua cozinha e empunhe a maior faca que conseguir. Com esta poderosa arma branca na mão, tente CAMINHAR. Conseguiu? Pois bem, este pequeno teste já mostra que sua capacidade locomotora é maior que a de Leon, que não é hábil o suficiente pra caminhar e esfaquear gañados na velocidade da luz.

Quem não se comunica…

Durante o jogo, Leon se comunica com sua “base” nos Estados Unidos através do rádio, uma imitação barata do codec de Metal Gear Solid. O detalhe é que o “rádio” tem imagens ao vivo, tornando todo bate-papo uma video-conferência internacional.

Curioso é que o rádio praticamente não faz sentido algum. Depois de uma parte cheia de ação e aventura com uma turminha da pesada, o jogo roda o mesmo loop do personagem, mudando apenas o cenário de fundo. Leon atende o rádio. A tiazinha pergunta:

– E aê Leon, como vai a missão?
– Tá indo bem, tô de boa aqui, relax.
– Mas Leon, e Ashley?
– Estou na trilha dela. Câmbio, desligo.

Provavelmente os caras quiseram recuperar a imagem de bundão de Leon de Resident Evil 2 e fizeram um macho egoísta e confiante demais em seu taco. Custa colocar um Leon um pouquinho mais… humilde?

– E aê Leon, como vai a missão?
– CARA, PUTA QUE PARIU. TEM UNS MALUCO CORRENDO ATRÁS DE MIM COM UMAS TOCHAS, UMAS FOICES, CARA TEM ATÉ UM GORDO COM UMA SERRA ELÉTRICA, CARA! TEM UM PEIXE GIGANTE NO LAGO, QUE PORRA É AQUELA, COMO VOU MATAR UM BICHO DAQUELE TAMANHO? CARA, TEM TAMBÉM UM MALUCO DE VESTIDO QUE ME VENDE LANÇA MÍSSIL!
– Mas Leon, e Ashley?
– FODA-SE ELA, CÊS ME JOGAM NO MEIO DE UMA PORRA DESSA COM UMA PISTOLA QUASE SEM MUNIÇÃO E UMA FACA, CÊS TÊM MERDA NA CABEÇA? MANDA A MARINHA, O EXÉRCITO, A FORÇA AÉREA E ENCHE ESSA PORRA DE BOMBA QUE SÓ ASSIM RESOLVE SEUS PUTOS.

Humildade e caldo de galinha não fazem mal a ninguém.

Som

Resident Evil sempre me deu cagaço com os sons. A atmosfera sombria do game é agravada por uma trilha sonora pesada. Não é raro, do nada, gritos e berros sinistros vindos do NADA.

O que mais acho legal é que os novos inimigos são capazes de se comunicar. Ao invés de Bããããããããhh, Grrroooooorrrrr e Brrrooooaarrrrrr, os gañados usam frases como Detras de tí, imbécilAhi Esta e, claro, Mierda. Se sua imaginação anda em dia, você pode imaginar que eles são argentinos, tornando a experiência de atirar em corpos decadentes muito mais divertida.

Sei lá porquê, mas imagino como seria se o jogo se passasse no México. Seria divertido ver uma vila de gañados mariachis com sombreros, bigodes e violões.

Gráficos

Nada a comentar. O jogo foi lançado originalmente para o Gamecube, que tem uma capacidade gráfica maior que o console da Sony. Houve uma grande perda de texturas, os cenários ficaram um pouco menos detalhados, mas nada que atrapalhe na qualidade do jogo. Como sempre, a Capcom resolve trabalhar bem nesse quesito.

Screeenshots para os chorões

Free Image Hosting at www.ImageShack.us Free Image Hosting at www.ImageShack.us Free Image Hosting at www.ImageShack.us Free Image Hosting at www.ImageShack.us

Oh I… Ooohh I’m still alive

Anúncios

Autor: Raphs

Três palavras definem bem o autor: velho mau humorado. Fisicamente, três anos a menos. Mentalmente, sessenta anos a mais.

41 comentários em “Resenha: Resident Evil 4”

  1. Apesar da falta de screenshots, ficou 10 a resenha!

    Toda vez que eu escutava “Ahi Esta”, eu me peidava todinho e saía correndo pqp!!

    O tiozão da serra elétrica era outro miserável, ele corre na velocidade da luz e a serra nunca cai O.o

    Tu esqueceu de comentar que os zumbis fodões também são hackers pois entram na frequência de rádio do Leon se comunicando e panz, até zombando dele de vez em quando = p

    Curtir

  2. Se fosse em 2004 eu até teria gostado hein. MENTIRA RAMBICO TO DE ZOA

    O problema de balas não existe pra quem atira no joelho, é tão cheap jogar assim que eu passei pelo jogo todo só usando pistola… cheguei nos últimos dois bosses, comprei 2 rocket launchers, um pra cada… matei os dois em 4 segundos cada um… final nem um pouco excitante, ainda prefiro RE3 mil vezes, apesar da jogabilidade do 4 ser muito boa.

    A única coisa que eu gosto do RE4 (além da gameplay) é o wesker mesmo =/

    Curtir

    1. cara serio msm o RE3 apavora qalqer Resident !!! aPESAR DA JOGABILIDADE DO 4 SER MELHOR A HISTORIA DO 3 É MAIS EXITANTE , OS sons sao melhores, enfim concordo contigo !!! Abraços

      Curtir

  3. @trevs
    É, eu reparei nisso. bizarro.

    Sobre o post, tipo, arrasou bee.
    Quero comprar RE4 logo. por mais que meu PS2 só aceite jogo original, quando você compra o jogo e ele vem na capinha é tão.. emocionante.*-*
    *chora*

    Aproveito que minha mãe tá nos EUA e peço pra ela trazer. :3

    Curtir

  4. @Dr.e
    Apoiado!!!! XD
    @Kel
    É mesmo muito cheap com joelho… eu gostava de mobar, vinha mó galera ai eu acertava um na
    cabeça e andava pra frente, ai ele vinha cambaleando e eu chutava ele, ele saia voando e
    acertava TUDO QUE TIVESSE NA FRENTE!!!

    Caraca ri pacas com esse post!
    XD
    eu joguei RE4 ate o fim e tipo
    final boss = crap U_U /prontofaley
    Mas cara o jogo vale a pena, eh muito massa XD

    Curtir

  5. Só achei injusto a nota para jogos extras,
    tem dois só da ada, que ela merecia um comentario seu,
    e ainda aquele que vc mata kilos e kilos de zumbis.

    esqueci os restos dos comentarios que eu ia fazer

    Curtir

  6. jent esse jogo é 10
    eu tenho esse jogo olha eu acho que ja zerei umas 20 vezes
    eu gosto da parte em que eles caem no lixam bom na verdade o leon
    se joga la junto com a ashley
    mas eu acho aquele bicho muito dificil qual sera o nome daquilo

    Curtir

  7. li o post depois de ja ter jogado e zerado o jogo…
    o jogo é mto bom e realmente não há como não levar uns sustos sinistros jogando de madrugada =)))
    e a faca do leon, realmente é inútil… só usava pra abrir as caixas e quando estava desesperado sem munição =))

    Curtir

  8. Kra eu tenho esse jogo esse jogo é difícil pacas tem algumas partes q tem uns monstros do demõnio q parecem q nao morrem< Sabe pq ELES SE REGENERAM e demoram pra morrer, gastei um montao de bala e agora to sofrendo por falta de bala pra tacar na cabeça de um.E adivinha, quando precisa da maldita faca aquele c…… nao presta por alguns montros te pegar por conseguirem esticar os braços, e depois te mordem e vem mais dois desses monstros q se regeneram ai a coisa fica muito loka tu morre, deixa eu pensar………………………………………………..se vc for como eu muito ninja vc mata eles e perde um pouco de vida em compensasam per de um monte de muniçao, eu aconselharia sair correndo q nao ajuda muito pq vc terar q voltar depois de pegar uma chave e o barulho q eles fazem afffffffffffffff muito demoniaco, e Leon paça por tudo isso por causa do boco do presidente que na contrata uma babá pra sua filha q é rapitada, e vc ao resgata-la esses ganados a sequestrao uma duas vezes e mais um a quase no final essa Asheley nao serve pra nada so pra te atrapalhar pq se ela morrer acaba a missao e tem que faser a missao de novo e q nao ja basta ja é difícil de vc mesmo ficar vivo ima gina uma idiota q ao levar duas porradas morre.Mas comprem É MUITO DOIDO!

    Curtir

  9. Kra eu tenho esse jogo esse jogo é difícil pacas tem algumas partes q tem uns monstros do demõnio q parecem q nao morrem sabe pq ELES SE REGENERAM e demoram pra morrer, gastei um montao de bala e agora to sofrendo por falta de bala pra tacar na cabeça de um.E adivinha, quando precisa da maldita faca aquele cu nao presta, por alguns montros te pegar por, conseguirem esticar os braços, e depois te mordem e vem mais dois desses monstros q se regeneram ai a coisa fica muito loka tu morre, deixa eu pensar………………………………………………..se vc for como eu muito ninja vc mata eles e perde um pouco de vida em compensasam per de um monte de muniçao, eu aconselharia sair correndo q nao ajuda muito pq vc terar q voltar depois de pegar uma chave e o barulho q eles fazem afffffffffffffff muito demoniaco, e Leon paça por tudo isso por causa do boco do presidente que nao contrata uma babá pra sua filha q é rapitada, e vc ao resgata-la esses ganados a sequestrao uma duas vezes e mais uma quase no final essa Asheley nao serve pra nada so pra te atrapalhar pq se ela morrer acaba a missao e tem que fazer a missao de novo e q nao ja basta ja é difícil de vc mesmo ficar vivo imagina uma idiota q ao levar duas porradas morre.Mas comprem É MUITO DOIDO!

    Curtir

  10. caraca…ses sao muito ruim….é muito facil, pros regenerators é so pegar a visao ultra violeta da sniper e atira nos ponto fraco, pra passa da parte da vila é facil http://www.youtube.com/watch?v=PFzMnFyqDgA ai tem o segredo e aquele cara que tava atras do post do Leon com a faca é o Jack Krauser, pra qm SAB JOG E SEG A HISTORIA fic muiiiiiiiiiiiiiito facil….vao aprende … voces me dao nojo…CONTUDO O POST FICO ENGRAÇDO PARABNS!!!… VOCES DO COMENTARIO ME DAO NOJO…

    Curtir

  11. Cara essa é a verdade nua e crua desse jogo do caramba. bom, é facil passar dos neguim da aldeia e do castelo! num acredito que vcs naum conseguiram! na verdade é facil no easy, no normal (ops) e no hard (ja ta complicando). no very hard ou profissional é muito foda!!!!!!!!!!!!!!!!! naum passei do primeiro ganado. depois de morrer 1.000.000 de vezes fiquei puto e naum joguei mais. agora to recomeçando e tb to fazendo um blog. peço sua permissão para dar um ctrl-c ctrl-v aqui e publicar no meu blog. é claro que os direitos autorais vao fikar com vc. valeu e putz eh dificil passar no very hard!!!!!!!

    Curtir

  12. fala galera eu cheguei na primeira cuamdo eu vi eu pesei egua efime claro que e fime eu to jogando aiinda eu do na pater do salasa e voces onde tao ………… falow……………..

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s