Nada contra o Cine, mas eu prefiro The Doors

Famosos cientistas do instituto de Ker’oh seo Kul, respeitado reduto de pesquisas do sul da Malásia, passaram os últimos 40 anos estudando a capacidade do cérebro humano em produzir e absorver informações, e sua capacidade de reproduzir essa informação adquirida em novas formas de cultura, tecnologia e pornografia na Internet.

Os cientistas chegaram à conclusão de que, como nunca na história deste universo, estamos jogando dez mil anos de história numa gigantesca privada, adicionando toneladas e toneladas de estrume infértil em cima de tudo. Ao invés de evoluir, nos destruímos.

Eu venho a você, leitor, fazer a pergunta fundamental. Pense bem antes de responder, pois a resposta para esta pergunta será de total importância para a definição do seu CARÁTER MORAL. Amigo leitor, venho encarecidamente lhe perguntar

QUE CARALHO DE ASA É ESSE TAL DE CINE?

Garota radical é o MEU PAU

Estava eu vagando na tão produtiva e inteligente programação da televisão aberta, quando o telefone toca. Era do serviço de reparos do Speedy, amigos de longa data. Enquanto eu confirmava os mesmos dados de assinante pela novecentésima vez, o surf que estava fazendo na televisão teve uma pequena pausa. Caprichosamente colocado  colocado entre a Canção Nova e a Rede Vida, encontrava-se a MixTV.

Para você que caiu no bercinho e não sabe do que se trata, a MixTV um canal que emula as qualidades estroboscópicas da rádio homônima de repetir as mesmas músicas – em ordem diferente, tudo tem limite – o dia todo, todos os dias. Numa tentativa cercada de fracassos épicos de imitar a MTV de outros tempos, com videoclipes comendo solto praticamente o dia todo e apresentadores maluquinho, a MixTV acabou virando isso: distração pra quem quer desligar a televisão, mas não quer ligar o rádio. Fica aquele lounge gostoso com as músicas do momento.

E é isso que me assusta. Se “Cine” é a banda do momento, o que vamos ter amanhã? Falemos disso mais tarde. Vamos dissecar esta aberração. Pra isso, vamos voltar na imagem que começou este post.

Quantas características (errei quatro vezes ao escrever isso ao digitar o post, vale o adendo) BIZARRAS vamos encontrar nesta foto? Contando.

Você está passando pela Zona Leste de São Paulo às 2 da manhã, depois daquele encontro com a gatinha da aula de economia. Está escuro e você sente frio, agravado pela leve garoa paulistana. Atravessando um beco escuro para cortar caminho, você topa com um indivíduo de gorro verde cobrindo o rosto, calça laranja e tênis all-star cano longo. O QUE VOCÊ FAZ?

Eu sou incapaz de matar um besouro virado no chão mas eu EU CHUTO ELE

EU. CHUTO. ELE. NA. CABEÇA.

Olha o maluco do fundo, de moicano. Aquilo não é um penteado, alguém o confundiu com uma manga verde e deu uma ligeira CHUPADA em seu couro cabeludo, se arrependendo disso largamente depois, uma vez que ingeriu quantidades alarmantes de fixador da LOREAL PARIS, que fixa e hidrata seus cabelos.

E o que falar, DEUS, o que se falar do maluco que tem uma PORRA DE UMA faixa verde na cabeça? Parece que alguém foi colocar uma camisinha de pelúcia naquela cumbuca e estourou, deixando a base pra trás. Ele gostou da idéia e DEIXOU ELA LÁ, até o fim de seus dias. Dizem por aí que a única forma de remover a aberração da aberração é com procedimento cirúrgico altamente invasivo. Os caras da gravadora acham melhor esperar o lançamento do próximo single.

Falando em single, o primeiro single dessa desgraça foi o “hit” “Garota Radical”. Bom, segundo a wikipedia essa merda foi um sucesso tremendo, embora eu nunca tenha escutado em lugar nenhum e nunca nenhum dos meus amigos citou a banda, ou cantarolou um pedaço da música durante o banho (rs).

Ou seja, se foi um hit pra vocês, foi um hit pra vocês. O clipe da música é uma atração à parte.

ISSO, porque é impossível chamar de MÚSICA, segue aquela regra universal de música adolescente:

  • Refrão pegajoso e pega fácil? SIM
  • Letra medíocre e acéfala? SIM
  • Música genérica? SIM
  • Versos habitariam milhões de subnicks (exemplo: “juh lindaa – VEM KI EH CERTO BABY”)? SIM
  • VEREDITO: PROFIT

O vocalista, que não vou me dar ao nome de procurar, é uma piada. Além da voz fina de um periquito sendo estuprado por um golfinho, se movimenta como um daqueles regadores automáticos de jardim, que ficam balançando de um lado pro outro. Ele canta e balança os ombros como uma biruta de aeroporto, exemplo perfeito de mongolice. Se isso não fosse o bastante, ele é tão ruim que necessita de AutoTune praticamente a canção inteira.

O AutoTune é uma mão na roda para os péssimos cantores de hoje em dia. A indústria musical o utiliza quase na mesma frequência com que consome o oxigênio da atmosfera. Este vídeo explica como o AutoTune funciona, mas traduzindo em miúdos, é um programa computadorizado que pega as alterações da voz e a “ajusta” automaticamente para a nota que se quer alcançar, ou eliminando as desafinadas que acontecem durante aquele berro imenso do refrão.

Renato Russo não usava Autotune. Elis Regina não usava AutoTune. Beyoncé usa AutoTune. Cine usa AutoTune.

Mas você tá se perguntando aí, sentadão em sua poltrona e assistindo Bela, a Feia: Mas e aí, raphs? E quanto ao sex appeal?

Viadinhos

Como nasceu o Cine? Na minha cabeça, só uma explicação: numa quinta-feira à tarde, um produtor da Universal tava andando na rua pensando “como posso ganhar dinheiro hoje?”, quando deu de cara com um grupinho de colírios da Capricho. Com o estalo rápido de um chicote, sua mente trabalhou a dois décimos da velocidade da luz e ele teve a idéia de juntar cinco colírios da Capricho, colocar uns instrumentos genéricos e botá-los para fazer sucesso.

E NEM PRECISA CANTAR PRA ISSO!

Cine é a estrela dos olhos das menininhas de 15 anos que assinam revistinhas e são ultra moderninhas. Até aí, tudo bem. O problema é que Cine também é a estrela dos olhos dos menininhos de 18 anos que, ao preferirem as meninas mais nova e vendo que eles fazem sucesso com as gatinhas, tentam ser iguais: se vestir igual, falar igual, balançar os ombros a ritmo de regador de jardim…

Filhos e filhas deste Brasil cheio de suíngue e sensualidade, vamos acordar pra vida? Esse cabelo de Lego é, no mínimo, não respeitável. Se você tem esse cabelo e está discutindo comigo, automaticamente você está errado. Utilizando de nosso imenso banco de dados chamado Internets, encontramos uma banda que também fazia as mulheres de quarenta anos atrás molharem as calcinhas.

Já ouviram falar de The Doors, fãs de Cine?

Quem você acha que ganharia numa BRIGA DE RUA?

Pra mim, essa merda é só uma tentativa descarada de ganhar dinheiro com uma banda que não vai durar o suficiente pra ver meu cachorro morrer, daqui uns 4 anos.

Mesmo se durasse, eu nunca os convidaria pro velório do meu cachorro. Ele prefere The Doors.

Autor: Raphs

Três palavras definem bem o autor: velho mau humorado. Fisicamente, três anos a menos. Mentalmente, sessenta anos a mais.

53 comentários em “Nada contra o Cine, mas eu prefiro The Doors”

  1. É uma pena que sejamos minoria… Um dia deixaremos de existir, e Cine e seus concorrentes serão o novo padrão de cultura… Comtemplem 2012 meus queridos… Os maias avisaram….

    MATA ESSE POHA AGORA, PELAMORDEDEUS

    Curtir

  2. É, esses dias eu tava “assistindo” MixTV (usando como música de fundo pra uma powernap) e ALL OF A SUDDEN, começou essa música do Cine. Eu nem entendi porque o nome da música é Garota Radical… ela não é nada radical. E eu também não entendi o clipe, qualé a do gordinho no final?
    Mas vale pelo momento em que o vocalista tira com a cara da menina com o inédito “TOCA AQUI, DEIXA QUE EU TOCO SOZINHO HEHE”.
    Uma obra prima cinematográfica.

    Curtir

    1. Adoro teu vocabulário hahahaha

      No final do clipe, os maluco tudo decepcionado por não ter conquistado a GAROTA RADICAL, chega um maluco todo macho e LAMBE a guria de uma forma sexy.

      Ela fica com quem? Com os maluco viadinho do Cine ou o machão que mostrou serviço na hora?

      Claro que com o machão. Os caras do Cine? Fazem cara de nojinho.

      Curtir

  3. O nome do vocalista é DH; não faço idéia de como se pronuncie isso.

    Quando o conheci, ele era apenas mais um emo magricelo assistente de arte numa agência online qualquer. O nome dele era Diego, ele já tinha essa franja e era hostilizado na cozinha na hora da marmita.

    Ah sim: ele contraiu caxumba e contaminou umas 10 pessoas na agência. Puto.

    Curtir

  4. Ah, mas não é para levar a sério bandinha de emo, né? Deixa os caras aproveitarem a fama, porque essas bandas têm um prazo de validade muito curto…daqui a 6 meses, ninguém já nem lembra mais. Essas menininhas que são fãs logo vão crescer e rir disso tudo. As normais, pelo menos. As mais histéricas são um caso à parte.
    Posso até estar errada, mas para mim, os Doors fazem parte do “esqueleto” do estilo emo. Com a diferença de que eles eram mil vezes mais pretenciosos do que, sei lá, My Chemical Romance. Era cansativo ver o Morrison querendo pagar de Rimbaud, de “boy genius” torturado pela sociedade, quando, na verdade, ele era só um junkie loser que ficava bonito de calça de couro. Ninguém merece aquelas músicas com 4040834 minutos de órgão Hammond ou o diabo que o valha. Barra pesada MESMO era o pessoal do Velvet Underground. Eles fazem os Doors parecerem umas garotinhas no jardim de infância e com certeza, se sairiam mil vezes melhor numa briga de rua…

    Curtir

    1. Não creio que Cine seja mais um representante da modinha falida dos emos. Isso passou faz tempo. São só a nova geração de moderninhos que herdaram caracteristicas dos emos, mas não chegam a ser hipsters.

      É impossível comprar The Doors com Cine em qualidade musical. Fiz isso just for the lulz. Mesmo com 10 minutos de solo, o teclado do Doors era tão fudido de bom que substituía o baixo na composição.

      Quer falar de briga de rua? UM integrante do Motorhëad encara as duas bandas ao mesmo tempo, no braço.

      Curtir

    2. Gosto não se discute quando se tem referencias como The doors e Velvet Underground. Nesse caso os dois tão absolutamente certos. Ambos grupos são fodas e importantes.

      Mais sorry girls, Led zeppelin > ALL.

      Agora quanto ao cine… foda-se o cine, como disse o raphs, não é algo que vá durar, então, como eu disse antes, foda-se o cine.
      Só tenho medo do que raios vai aparecer depois…

      Curtir

  5. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk me_matou_de_rir.com.br…. Na boa, wtf, ou melhor, q porra é essa de cine? esse cara da foto não é o irmão da sandy????????? bom, de qualquer forma seria irrelevante tbm. valeus aí

    Curtir

  6. Nunca ouvi eles cantarem (pelo jeito tenho q dizer Obrigada Deus /) e nunca ouvi falar deles, e continuaria assim pro resto da vida achando que o mundo ainda tem salvação se não fosse por vc Raphs ¬¬

    Bem, a respeito de cabelo de lego, acho que os Beatles tem mais cabelo de Lego do que eles.

    Eles tão mais pra “mamãe passei gel no cabelo e bati no liquidificador tô bonito?”

    Bem Raphs, vc me fez perder a esperança no mundo =~~

    Mas eu fiquei feliz por uma coisa: Eu posso ser uma cantora famosonaaaaa sem saber cantar *.* Só eu colocar um silicone e fazer uma lipo, ahá!

    Curtir

  7. É péssimo mesmo, mas me conformo em saber que daqui a 2 anos não vamos sequer lemrar de seus respectivos nomes, igual o que aconteceu com aquele “surfista” o tal de F… é com F, acho que Flipper Dilom, ou coisa parecida… Enfim, ninguem lembra Fulano lá…

    Curtir

  8. Nuss… primeira vez que vi teu blog.. muito bom! vc escreve muito bem (só não vire colunista da Capricho, faça esse bem pra humanidade!)

    Cine? Nem tive a coragem de ver esse video clip (medo do projeto de moicano)

    Concordando com o Eric (não ao plágio): Comtemplem 2012 meus queridos… Os maias avisaram…

    Curtir

  9. NOSSA HAPHS, FINALMENTE UM POST DECENTE! (rimow)

    bem, cine já tá deixando de fazer sucesso pq garota radical ta passando cada vez menos no TVZ (eu assisto DE VEZ EM QUANDO, só pra deixar claro) e tipo, a melhor parte do clipe é a hora que o gordin chega na mina mandando o papelzinho com a cantada “aposto um beijo que você me quer.”

    cara, LOL

    Curtir

  10. HSAIUEHSAIUHEISHAIUHSIUA
    nada contra Cine, mas prefiro (meu) Creed 😀
    e, fica tranquilo, se você ouvir a merda do refrão, você fica com ele o resto do seu dia.. merda de refrão, que por sinal, é MUITO criativo.
    é tipo.. esse musiquinha irritante que tá tocando no bbb. :s
    você sabe qual é, eu sei disso.

    ah, te amo :*

    Curtir

  11. NOSSA HAPHS, FINALMENTE UM POST DECENTE! [2]

    Saudades dos tempos em que existiam bandas de verdade. Ultimanente, o rock rebelde adolescente se resume a: NxZero, Fresno, Pitty, Cine e outros da mesma laia…

    No meu tempo, o rock adolescente era: Nirvana, Guns N´ Roses, Legião Urbana, Paralamas, e afins…

    É… não é a toa que a juventude anda cada vez mais acéfala… e a situação tende a piorar…

    “Com a internet, aumentou o volume de informação. E o lixo de informação muito mais. E é isso lixo que a juventude consome para alimentar suas mentes.”

    Curtir

  12. Me da lincença.

    Liguei a tv na MTV. Passava um programa vespertino (não sei o nome), e essa tal de Cine estava lá.

    Peguei o final daquela coisa que eles, ervilicamente, chamavam de música e o começo da entrevista:

    – Então, – disse a apresentadora – como vocês formaram o estilo musical?

    – Cara, sabe como é, agente andava por ai, naquela do pop-punk… bláblábláblábláblá…

    Só escutei até o “POP-PUNK”! Depois disso, a boca deles se mexiam e eu já não escutava mais nada.

    Fiquei uns 3 segundos sem respirar, balancei acabeça ivoluntariamente e desliguei a televisão.

    POTAQUEOSPAREL!

    EU. pop-punk. NÃO. pop-punk. ACREDITO! pop-punk! (Só isso passava na minha, então, ervilicamente, afetada cabeça.)

    Desculpem, mas isso estava dentro de mim a meses. Tentei comentar o assunto com amigos, mas ninguem conhecia porra da banda. Então eu li isso aqui. Não pude segurar.

    Fui… escutar Lynyrd Skynyrd pra ver se passa essa dor de cabeça!

    Seu Fox, comentando da Santa, e bela, Catarina.

    Curtir

  13. Excelente post.
    O que eles têm que o diferem de outras modinhas de 2 músicas? Ah… Nada u.u

    Não vou falar que eles são ridículos ou sem modinha que já virou clichê dizer isso, mas, porra, o caralho que eles são bonitos. Acho que são os garotos mais feios do “cenário pop” atual.

    Curtir

  14. Dou alguns dias para esse espaço de comentários ser invadido por fãs 14 anos de Cine.

    No mais, excelente post. Adoro como o Raphs consegue expressar tudo o que pensamos com adjetivos e superlativos práticos e criativos.

    Curtir

  15. muito bom o texto, ri demais
    realmente hoje em dia qualquer merda sem talento faz sucesso
    qualquer imbecil pode gravar um video no youtube e ficar famoso e essa banda cine nao dura nem 3 anos

    Curtir

  16. Ahn, faça-me o favor, né?
    Com tanto “artista” incentivando a bandidagem, as drogas, o sexo infantil, a prostituição e outras mazelas, caso dos nossos queridos MC’s e mulheres-fruta, e você esculacha uma banda que nada faz além de tocar algumas musiquinhas de romance adolescente?
    Francamente, você tem o direito de falar mal de uma banda que não goste, mas me espantou ver um texto tão bem formulado sem nada de útil e interessante a oferecer!

    Curtir

  17. consegue ser pior que, se não similar ao “Reboleixon xon”… eu nao tinha visto a aparencia dessa tal Cine, até vir aqui ao blog. Mas pela musica ja tinha ideia da tamanha viadagem.

    Curtir

  18. Putz.. o mundo ta perdido mesmo, Cine e essas bandinhas emos..
    Tenho 15 anos.. e nem por isso curto esses “lixos sonoros”.
    Por que esses emos não vão ouvir Legião Urbana, Cazuza, THE DOORS, Beatles, RadioHead, Kiss… Isso sim é música!!
    Um dia eu vi no Altas Horas, quando um fã perguntou pro vocalista do Cine, quais influências do rock eles tiveram para criar a banda.. Se não me engano, eles não falaram nenhuma banda, só disseram que foram influenciados de bandas “Hard Rock”…
    Porra seus “viadins”.. vocês ao menos sabem o que é Hard Rock??

    Duas Palavras: EMOS FDP’s!!!!

    Ah.. Obs: Essa foto com esse “óculos verde”… além de EMOS, são uns PLAGIADORES DE MERDA!!! Pow… tentar copiar Kurt Cobain é foda velho, tu (DH) é um merda, Kurt era um genio, compare a letras das músicas do CIne, com as do Nirvana.
    Sem mais. ;D

    Curtir

  19. vou nem dizer que to revoltada, conheci o baconfrtio hj e digo ele é a solução da minha revolta encontrei alguem que odiasse mas o cine que eu…. esse viadin do cu colorido me esculaxaram no twitter so por que eu falo o que eu penso ..AGORA DEU MESMO…. se um dia eu ter um filho e pegar ele ouvindo esse lixo eu vou dar uma surra nele de canivete ..ta louco ta usando dorgas!!! qualé manos ……deixar de ser tão viadin (cine) cine é meuc* ……. e mais so pra lembrar ai!! da mesma na qual certa pessoas falam sobre oque pensam o povo tem o direito de dizer o que que neh!! sim tem muitas mortes ,muito sexo, tem muitas drogas …., muitos MERDA NO MUNDO …tem muita gente ensinando tudo errado ….mas a nossa preocupação é com os nosso ouvidos essa SHITA fica falando que a guria comprou tudo no cartão do pai…por que que eles não cantam a situação atual do mundo ……UM FODA-SE PRO CINE

    Curtir

  20. Eu tenho 14 anos e nem por isso escuta essas bandinhas de hoje em dia, que são um lixo!
    Essas bandas são tudo iguais e a maioria faz sucesso
    só porque são “bonitinhos”, e as gurias morrem por eles, aff! Não sabem o que é rock de verdade, sem falar que se vestem como marica…
    Só pior que Cine é Restart mesmo, na escola então,
    só se fala nessa bandinha, as gurias ficam ouvindo
    e trocando fotos desses caras, não suporto ficar
    perto, estraga a imagem do rock!
    Sem falar que eu nasci na época errada, queria muito ser adolescente nos anos 90, e vinvenciar bandas como: Nirvana, Guns N Roses, Pearl Jam,
    Silverchair…e muitas outras que amo!
    Esse negócio de idade não tem nada ver,
    alguns adolecentes ainda escutam boa música e
    não se deixam levar pela modinha…..
    Por mim que morram esses emos!
    Queria que voltasse a fazem bandas como antigamente, mais o mundo vai acabar mesmo,
    e junto com todo esse lixo, fico até feliz!*_*

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s